DHA, você sabe o que é? E como ele age no desenvolvimento das crianças?

0 Comment

Participei de um encontro rico em informações sobre o desenvolvimento mental e infantil, realizado pela Mead Johnson Nutrition Enfagrow. O encontro teve a presença da Jornalista/Mãe: Rosana Jatobá, Atriz/Mae:  Giovanna Antonelli, Pediatra e Neonatologista:  Dr. Marcelo Rebeisheid e o Doutor em Pediatria Dr. Mario Falcão e as Mamães Blogueiras.

O DHA é?

 

Ácido docosahexanóico, ou DHA, um ácido poli-insaturados ômega-3 ácidos graxos encontrados em todo o corpo. É uma das principais gordura estrutural no cérebro e de contabilidade retina para até 97% das gorduras ómega-3 no cérebro e até 93% das gorduras omega-3 na retina. É também um componente-chave do coração. Numerosos estudos confirmam que todos, desde crianças a adultos, beneficia de uma oferta adequada de DHA.

Na gravidez e amamentação
A alimentação materna antes, durante e após a gravidez tem um papel importante no desenvolvimento de fetos e crianças, assim como no bem-estar materno. Durante a gravidez, DHA suporta cérebro, olhos e sistema nervoso desenvolvimento infantil ótima e é particularmente importante no terceiro trimestre, quando ocorre o crescimento do cérebro significativo. Desenvolvendo as crianças não podem produzir de forma eficiente o seu próprio DHA e deve obter este nutriente essencial através da placenta durante a gravidez e a partir de leite materno após o nascimento. Suplementação de DHA materno durante a gravidez e amamentação melhora significativamente o nível de DHA disponíveis para o feto e da criança e pode melhorar certos resultados de desenvolvimento.
Para as crianças
O DHA é importante para o desenvolvimento do cérebro e do olho e da função em todas as fases da vida, mas é especialmente importante durante os dois primeiros anos de vida e na primeira infância. Entre o nascimento e cinco anos de idade, o cérebro humano aumenta aproximadamente 3,5 vezes em massa. Durante este tempo, é importante que as crianças consumir quantidades adequadas de DHA na sua dieta para suportar este período de rápido crescimento do cérebro e do olho e do desenvolvimento.
Onde encontro:
Salmão, atum, anchova e arenque são peixes de água fria, que contêm a maior quantidade de DHA. As crianças também podem comer frutos do mar, como bacalhau, badejo, peixe-gato e mariscos, que contêm menor quantidade. Carnes de órgãos e algas também contêm DHA.

Mas atenção:
Mamães grávidas antes de focar exclusivamente no peixe por conter o nutriente, consulte uma nutricionista e converse também com seu obstetra, tudo deve ser consumido com muita cautela. Devemos consumir alimentos variados e de preferencia na quantidade correta.
Crianças também o mesmo caso, sempre conte com o auxilio de um profissional, pois existe uma variedade de alimentos que possuem DHA e todos com uma dosagem diferenciada.

Com Rosana Jatobá e Giovanna Anttonelli
Com Rosana Jatobá
Momento fotos
Linda
Momento fotos
Mimo: 1 lata de suplemento, 1 cubo mágico
1 pen drive muito lindo

 

0 Comments

    Comente! Adoro sua participação!

    error: Cópia é crime!