Furar orelha do bebê ao nascer não é recomendável

0 Comment
Furar orelha do bebê ao nascer não é recomendável, alerta médico title=

Quando descobrem que o bebê que está a caminho é uma menina, as mamães já começam logo a pensar em diversas possibilidades para enfeitá-la: lacinhos, babados, vestidinhos, tiaras, pulseiras e brincos. A ansiedade é tanta que muitos recém-nascidos chegam a sair da maternidade com a orelhinha já furada. De acordo com especialistas, não existe uma idade certa, mas é recomendável não furar quando o bebê nascer, e sim esperar mais um pouco.

O melhor método, segundo a pediatra, é sempre aquele que é limpo o suficiente e com antissepsia adequada. Isso ajuda a evitar os riscos de inflamação e infecção. E o procedimento não precisa necessariamente ser feito por um pediatra, pode ser na farmácia. Não há anestesia. O bebê sente que algo está sendo feito na orelha, mas não chega a sentir dor propriamente dita.

O brinquinho não precisa ser de ouro e pode ficar direto na orelha do bebê. Não é necessário tirar, mas são necessários alguns cuidados, pois as inflamações são comuns. O ideal é passar álcool com concentração a 70% para manter o furo bem sequinho e livre de secreções. E o pediatra deve ser consultado sempre que houver qualquer tipo de complicação. Se houver infecção no local do furo do brinco, o pediatra pode contornar a situação facilmente e evitar problemas maiores.

Beijos…

0 Comments

    Comente! Adoro sua participação!

    error: Cópia é crime!